devaneios

homeland is wherever you prosper.

 Agora acho que me mudei de verdade aqui pra São Paulo, essa cidade louca que me desperta amor e ódio ao mesmo tempo. Amor quando vou sentir um solzinho no parque Ibirapuera, amor quando vejo que tudo se concentra aqui, quando saio na rua e escuto pessoas falando português/inglês/espanhol/árabe/sei lá o que. Ódio porque aqui tem tantos carros e quando você olha dentro deles e só enxerga uma pessoa e ninguém me dá carona (a cara de indiferença das pessoas me assusta), ódio quando saí do trabalho e descobri que tinham levado a minha bicicleta, ódio quando os motoristas não dão seta e quase passam por cima de mim e eu me vejo obrigada a no mínimo soltar um filho da p…

meu quarto meio hippie, minha mala virou meu home office!

Mas adoro domingos, quando vejo que a cidade morre, as pessoas largam seus carros em casa e saem para caminhar, ver a família, essas coisas. Mas raramente eu tenho domingos. Domingo pra mim é quando na noite de sábado eu volto pra casa às 3 da manhã do Outback e tenho que voltar pra lá ao meio dia e trabalhar até as nove horas da noite. 
Acho que devo estar ficando velhinha porque agora até faço planos para o futuro, tipo planos concretos.. coisas do tipo tirar carta, comprar uma moto, ir realmente fazer jornalismo em uma estadual/federal/whatever.. essas coisas. Mas antes disso tudo vou fazer a última porra loucagem, pois meu coração pede.
Hoje chegou meu guarda roupas. Esse ano foi uma coisa doida (não que os outros tenham sido muito normais..), vim aqui pra São Paulo só com uma mochilinha de final de semana, um par de All Star e uns 20 reais, com a ideia de fazer a entrevista com a Royal Caribbean. Queria muito voltar para a vida do mar. Não rolou e eu fui ficando no hostel, ficando.. ficando, me apaixonei loucamente por um sueco, essas coisas. Aí ele me deixou, (história de sempre), e eu fui atrás de um trampo novo. E daí que agora estoy rica, papi?! No?! Tomando suco de cranberry (sempre disse que quando eu ficasse rica, tomaria Cranberry. E gente, sinto muito em desapontá-los mas o gosto da riqueza é amargo!).

Muitas coisas aconteceram nesse meanwhile. Tipo, agora tenho uma cama de casal power confortável que eu durmo igual uma lagartixa esparramada. Ela parece um marshmallow gigante. Comprei meu tão sonhado Mac book white e me considero um dos seres humanos mais felizes e cliente satisfeira (haha) do planeta terra. Estou lendo um livro bem legals que me fez descobrir que quando a Tv está fora do ar e fica aquele chiado, 1% daquele barulho é proveniente da radiação cósmica que gerou o big bang. Coisa louca. Sexta feira pretendo já ter efetuado o pagamento da minha passagem para a Suécia. Por hoje é só amiguinhos.
That’s all folks.

Bisou

You Might Also Like...

1 Comment

  • Reply
    Zulu Fernandez
    setembro 1, 2011 at 2:20 am

    Eu tenho uma foto dessa mala que iria fazer muito sucesso na internet pelo conteúdo que ela abrigava no momento do clic… rsrs

  • Deixe uma resposta